Paralisia Cerebral: Quais os impactos e as possíveis deformidades que a criança pode apresentar?

Meu filho tem o “pé chato”. Isso é normal?
janeiro 27, 2018
Pé Torto Congênito
fevereiro 2, 2018
Meu filho tem o “pé chato”. Isso é normal?
janeiro 27, 2018
Pé Torto Congênito
fevereiro 2, 2018

Descubra como a paralisia cerebral afeta o desenvolvimento muscular e ósseo das crianças. Entenda as complicações neurológicas que levam a contraturas musculares e deformidades ósseas, bem como a importância do tratamento multidisciplinar para melhorar a qualidade de vida dos pacientes. Continue lendo!

Como a paralisia cerebral afeta o desenvolvimento ortopédico? - Dr. Luiz de Angeli

 

Qual a relação entre a paralisia cerebral e o desenvolvimento ortopédico da criança?

Os pacientes que possuem o diagnóstico de paralisia cerebral geralmente desenvolvem contraturas musculares nos membros, que podem causar deformidades ósseas nos membros e na coluna. Quanto mais grave for o acometimento neurológico do paciente, mais importantes as deformidades tendem a ser.

Como é o tratamento de crianças com paralisia cerebral?

Estas crianças necessitam de um tratamento multidisciplinar. Além do Ortopedista Infantil, é ideal que o paciente seja acompanhado por outras especialidades médicas e da área da saúde como terapeutas ocupacionais, fisioterapeutas, psicólogos; entre outros.

O paciente que passa por cuidados de Fisioterapia e outras terapias tende a desenvolver menos deformidades com o passar do tempo, minimizando a necessidade de serem submetidos a cirurgias.

Contudo, por melhores que sejam os cuidados prestados ao paciente, muitos deles acabam desenvolvendo contraturas musculares e deformidades ósseas que necessitam de correção cirúrgica, principalmente nos quadris.

 

Paralisia Cerebral e o impacto no desenvolvimento ortopédico - Dr. Luiz de Angeli

 

Qual o objetivo da correção cirúrgica em pacientes com paralisia cerebral?

Pacientes com paralisia cerebral que acabem desenvolvendo contraturas musculares e deformidades ósseas podem receber indicação cirúrgica para correção, a fim de:

  • Melhorar a função dos membros;
  • Melhorar a dor;
  • Facilitar os cuidados do paciente pelos pais e familiares.

 

Quais as técnicas cirúrgicas usadas nas contraturas musculares?

As técnicas utilizadas para atuar nas contraturas musculares envolvem:

  • Alongamentos musculares ou tendinosos – Procedimentos para liberar ou alongar músculos e tendões que estão excessivamente contraturados devido à espasticidade;
  • Transferências músculo-tendíneas – Procedimentos para melhorar a função e a força de um músculo, a partir do reanexo parcial ou total do tendão de um músculo funcional em um novo local para compensar a deficiência de outro e balancear melhor as forças, assim, prevenindo o aparecimento de deformidades após a primeira cirurgia (ao que chamamos de recidivas).

Estas técnicas, quando bem utilizadas, tendem a balancear os pacientes, a fim de prover melhorias na função global, adaptação a cadeiras e órteses e, consequentemente, promover o alívio da dor.

Caso você queira agendar uma avaliação completa para o seu filho, não deixe de buscar um médico especialista em ortopedia pediátrica para diagnóstico e tratamento.

Quero agendar uma consulta com o Dr. Luiz de Angeli

 

Quando ocorre indicação cirúrgica para corrigir as deformidades ósseas?

Em alguns casos, principalmente nos membros inferiores, são necessárias cirurgias ósseas para correção das deformidades.

Chamamos estas técnicas de Osteotomias, que significa “quebrar o osso”. Utilizam-nas para melhorar as angulações e rotações dos quadris, joelhos e pés, quando bem indicadas.

Cirurgia de reconstrução dos quadris na Paralisia | Dr. Luiz de Angeli

Pós-operatório tardio da cirurgia de reconstrução dos quadris na paralisia cerebral. Os dois quadris foram operados para que a pelve fique balanceada. Do lado esquerdo, onde havia perda do formato original do acetábulo, foi adicionada uma cirurgia na bacia. A equipe realizou o procedimento em um único tempo.

 

Caso você queira saber mais sobre a Cirurgia para Luxação dos Quadris em pacientes com paralisia cerebral, leia também este artigo.


 

O Especialista em Ortopedia Infantil deve decidir as condutas em conjunto com a família, de forma individualizada para cada paciente. A partir do exame físico e dos exames complementares, cada paciente terá seu plano terapêutico traçado de maneira precisa para que ele seja o mais funcional e adaptado possível às suas condições.

O Dr. Luiz de Angeli é um médico especializado em Ortopedia Pediátrica, com atuação no Núcleo de Ortopedia Especializada. Sua área de atuação abrange o tratamento de várias doenças e condições ortopédicas da infância, tanto no seguimento clínico quanto na realização de procedimentos cirúrgicos, quando indicados.

Entre em contato e agende uma avaliação inicial com o Dr. Luiz